Finalmente! WhatsApp Web funcionará de forma autônoma sem o smartphone

Views: 69
0 0
Read Time:2 Minute, 13 Second

A The Hack recebeu com antecedência, nesta quarta-feira (14), uma notícia que certamente vai alegrar os usuários do WhatsApp — o aplicativo passará a funcionar de forma autônoma em até quatro dispositivos adicionais diferentes. Isso significa que você poderá usar a versão Web e desktop do mensageiro mesmo caso esteja sem seu smartphone principal, tal como já ocorre no concorrente Telegram. Os testes da nova funcionalidade começam hoje com um número reduzido de usuários.

“Por anos, as pessoas nos pedem para criar uma verdadeira experiência multiplataforma que permita às pessoas usar o WhatsApp em outros dispositivos sem a necessidade de uma conexão de um smartphone. Hoje, estamos anunciando o lançamento de um teste beta a um público limitado para o acesso de vários dispositivos ao WhatsApp”, anunciou. “Com esse novo recurso, agora você pode usar o WhatsApp no seu telefone e em até quatro outros dispositivos simultaneamente —  mesmo se a bateria do telefone acabar”.

Segunda a companhia, que é gerenciada pelo Facebook, cada dispositivo se comunicará com a sua conta mantendo “o mesmo nível de privacidade e segurança” que seus usuários já conhecem. “É importante ressaltar que desenvolvemos novas tecnologias para manter a criptografia de ponta a ponta enquanto gerenciamos a sincronização de seus dados – como nomes de contato, arquivos de bate-papo, mensagens favoritas e muito mais – entre os dispositivos”, explica.

Esquemática do antigo protocolo de criptografia do WhatsApp Web (Divulgação/WhatsApp)

Na arquitetura antiga, cada usuário era identificado por uma chave compartilhada entre diferentes clientes; na nova, cada dispositivo conta com sua própria chave. O servidor do mensageiro mantém um mapa da identidade do internauta e seus gadgets, usando uma tecnologia chamada Verificação Automática de Dispositivos para realizar verificações de identidade e permitir que os dispositivos estabeleçam confiança entre si de forma autônoma, facilitando a vida do internauta.

Esquemática do novo protocolo de criptografia multi-dispositivo (Divulgação/WhatsApp)

“O WhatsApp multi-dispositivo usa uma abordagem client-fanout, onde o cliente WhatsApp que envia a mensagem criptografa e a transmite um N número de vezes para N número de dispositivos diferentes — aqueles nas listas de dispositivos do remetente e do destinatário. Cada mensagem é criptografada individualmente usando a sessão de criptografia em pares estabelecida com cada dispositivo”, continua o comunicado.

“As mensagens não são armazenadas no servidor após serem entregues. Para grupos, usamos o mesmo esquema de criptografia escalonável de Sender Key do Signal Protocol”, explica a empresa. Maiores informações a respeito da novidade podem ser encontradas no blogpost oficial do WhatsApp Help Center; ainda não há previsão para que a funcionalidade saia do beta e seja liberada para todos os usuários.

FONTE: THE HACK

Previous post Fábricas inteligentes enfrentam questões de Segurança frente às emergentes ameaças ao 5G
Next post Espanha prende 16 por trabalhar com as gangues de malware Mekotio e Grandoreiro

Deixe um comentário