STJ levou 15 dias para reestabelecer sistemas de TI após ataque hacker

Views: 82
0 0
Read Time:1 Minute, 0 Second

A Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (STI) do Superior Tribunal de Justiça concluiu nesta quarta-feira (18/11) o restabelecimento dos sistemas de informática da Corte. É o que consta de comunicado da corte, assinado pelo ministro Humberto Martins, presidente do tribunal. Foram necessários 15 dias para reestabelecer o impacto do ataque hacker sofrido no dia 03 de novembro.

“O Sistema Integração do STJ, que permite o recebimento e a baixa de processos recursais dos tribunais de justiça do País e dos tribunais regionais federais, já está disponível. Também se encontra em funcionamento o sistema Push, por meio do qual os advogados conseguem receber, por e-mail, informações sobre o andamento de processos que tramitam no STJ”, diz a nota.

Segundo o comunicado, a STI também finalizou os trabalhos na rede interna do tribunal, “restando somente ajustes pontuais em aplicações administrativas que ainda apresentam instabilidades momentâneas”.

O restabelecimento dos sistemas foi executado pela equipe da STI do STJ, com a assessoria das empresas Microsoft e Atos, e, ainda, com o apoio do Comando de Defesa Cibernética do Exército brasileiro e do Serpro. Com informações da assessoria de imprensa do Superior Tribunal de Justiça.

FONTE: CONVERGENCIA DIGITAL

Previous post A LGPD e o mito do advogado que entende de dados
Next post Hacker português é suspeito de atacar TSE

Deixe um comentário