Seiko é atacada pelo “Gato preto”.

Views: 180
0 0
Read Time:1 Minute, 18 Second

O ransomware de vazamento de dados da BlackCat/ALPHV atinge a gigante japonesa

O grupo de ransomware BlackCat/ALPHV afirma ter hackeado a Seiko e adicionado a empresa ao seu site de vazamento de dados. No dia 10 deste mês, a fabricante japonesa de relógios divulgou uma violação de dados após um ataque cibernético. 

No comunicado, a  Seiko Group Corporation diz que “a empresa confirma ter sofrido uma possível violação de dados em 28 de julho“. “Parece que alguma parte ou partes ainda não identificadas obtiveram acesso não autorizado a pelo menos um de nossos servidores. Posteriormente, em 2 de agosto, contratamos uma equipe de especialistas externos em segurança cibernética para investigar e avaliar a situação”, diz a nota divulgada pela empresa. “Como resultado, agora estamos razoavelmente certos de que houve uma violação e que algumas informações armazenadas por nossa empresa e/ou empresas do nosso grupo podem ter sido comprometidas.”

Os operadores de ameaças obtiveram acesso à rede da empresa e roubaram alguns dados de seus sistemas. Agora, a gangue de ransomware BlackCat/ALPHV adicionou Seiko à lista de vítimas publicada em seu site de vazamento de dados.

O grupo publicou amostras de alguns dados supostamente extraídos da rede da empresa, incluindo digitalizações de passaportes e projetos de novos relógios (veja abaixo).

Fonte: Seiko

Ainda não está claro se os hackers roubaram segredos da empresa ou propriedade intelectual, como tecnologias patenteadas usadas em seus produtos. O grupo de ransomware afirma que a empresa tem baixa segurança de suas redes e produtos.

FONTE: CISO ADVISOR

POSTS RELACIONADOS