Nova diretriz do Twitter permite coleta de dados biométricos

Views: 130
0 0
Read Time:1 Minute, 31 Second

O X (antigo Twitter) atualizou a sua política de privacidade. Entre as principais mudanças, a rede social pede o acesso a dados biométricos e informações da carreira profissional de cada usuário. 

Os novos termos entram em vigor na plataforma a partir do dia 29 de setembro de 2023 e podem ser conferidos em português na página oficial de privacidade do X. É importante ressaltar que é obrigatório concordar com os termos de serviço e a política de privacidade para manter uma conta na rede social.

Ambas as alterações estão disponibilizadas na seção “Informações que você nos fornece”, da política de privacidade. No caso da biometria, a rede afirma que pode coletar e usar esses dados para “fins de segurança, proteção e identificação” a partir de consentimento do indivíduo.

Com relação às recomendações de emprego, o X revela que pode usar dados como histórico profissional e educacional, preferências de emprego, competências, habilidades e atividade de procura por vagas. As informações seriam compartilhadas para empregadores em potencial e uso de publicidade.

Política de privacidade do antigo Twitter adicionou trechos para obter dados biométricos e informações profissionais (Imagem: Reprodução/X)
Política de privacidade do antigo Twitter adicionou trechos para obter dados biométricos e informações profissionais (Imagem: Reprodução/X)

Qual o motivo da mudança?

As novas exigências na política de privacidade estão relacionadas a alguns recursos que podem chegar ao Twitter no futuro. A biometria poderia ser uma forma de acesso com a chegada das passkeys (formas de login sem senha) — de acordo com a newsletter do desenvolvedor Steve Moser, Twitter e LinkedIn desenvolvem o suporte ao método de autenticação. 

As informações profissionais vão ao encontro da futura função para encontrar empregos no TwitterElon Muskconfirmou a existência de um concorrente ao LinkedIn e a rede social já exibe algumas vagas publicadas em alguns testes. Além disso, a X Corp adquiriu a startup de recrutamento profissional Laskie no mês de maio.

FONTE: CANALTECH

POSTS RELACIONADOS