Vazamento de 3,8 bilhões de telefones é falso, diz Clubhouse

Views: 119
0 0
Read Time:2 Minute, 58 Second

Anúncio oferece base de dados contendo 3,8 bilhões de números de telefone supostamente obtidos do aplicativo

Um post num fórum frequentado por cibercriminosos está anunciando a venda de uma base de dados contendo 3,8 bilhões de números de telefone supostamente obtidos do Clubhouse, o aplicativo social de áudio de que pertence à empresa Alpha Exploration Co. e que se tornou moda nos últimos seis meses. No entanto, segundo a agência de notícias IANS (Indo-Asian News Service), um porta-voz do ClubHouse já informou à agência que o vazamento é falso e composto por números criados aleatoriamente: “Há uma série de bots gerando bilhões de números de telefone aleatórios”, disse o porta-voz. “No caso de um desses números aleatórios existir em nossa plataforma devido a coincidência matemática, a API do Clubhouse não retorna nenhuma informação identificável do usuário [por meio dele]”, acrescentou.

O alerta sobre a venda foi dado no Twitter ontem, dia 24 de julho de 2021, pelo pesquisador de segurança indiano Jitan Jein. De acordo com o pesquisador de segurança independente Rajshekhar Rajaharia, a alegação de vazamento de dados parece falsa, já que os dados que seriam do Clubhouse contêm apenas números de celulares sem nomes nem quaisquer outros dados. Apesar disso, o post já foi visto quase três mil vezes até o momento em que este texto era concluído.

O título do anúncio é “O banco de dados secreto do Clubhouse está finalmente disponível para venda”. Ele oferece uma amostra com 83,5 milhões de números que seriam de pessoas do Japão. Contudo, para obter a amostra é necessário fazer um pagamento de oito créditos – a moeda adotada pelo fórum. Nesse caso, apenas o controlador do fórum recebe esse pagamento, em troca de criar a operação de download.

A descrição dos dados no anúncio diz o seguinte:

DADOS COMPROMETIDOS:
3,8 bilhões de telefones (incluindo celulares + fixo + privado + números profissionais).

O Clubhouse está conectado em tempo real às agendas de todos os usuários, o que significa que cada vez que você adiciona um novo número de telefone em sua agenda, o número é automaticamente adicionado ao banco de dados secreto do Clubhouse. Cada número é classificado por uma pontuação (a pontuação corresponde ao número de usuários do Clubhouse que possuem este número de telefone específico em sua agenda).
Com essa pontuação podemos avaliar o nível da rede de cada número de telefone no mundo. Podemos fazer um ranking nacional e internacional de cada ser humano e organização.

Uma amostra está disponível em meu post anterior (+ 83,5 milhões de números de telefone – JAPÃO)
hxxps://xxxxxxxxxx.com/Thread-CSV-EXCLU-…a-Database

Ele será vendido por meio de um leilão privado em 4 de setembro de 2021 (23º aniversário do Google). Para participar deste leilão privado, deixe um comentário e eu enviarei o link para participar.

Todos os GAFA e co do Vale do Silício usam o mesmo processo de importação da lista telefônica. Todos eles coletam dados sobre pessoas que não são membros de seu serviço. É uma violação perigosa dos direitos humanos à privacidade… Eles têm dados privados de usuários que nem usam o Clubhouse e podem avaliá-los.
A lei GDPR promete que as empresas que coletam dados de não usuários serão punidas. É hora de ver se a lei sancionará o Clubhouse ou se é apenas uma ameaça.
 De acordo com você, e depois de ler isto, o Google e a Apple deveriam remover o Clubhouse de suas lojas?”

Com agências de notícias internacionais

FONTE: CISO ADVISOR

Previous post Cresce a necessidade da segurança de informação para garantir a segurança de dados das empresas e clientes
Next post Atlassian alerta para falhas críticas no Jira

Deixe um comentário