EUA declaram emergência em 17 Estados e DC pós-ataque hacker a oleodutos

Views: 93
0 0
Read Time:1 Minute, 18 Second

Os Estados Unidos declararam neste domingo (9.mai.2021) estado de emergência depois de ataque cibernético que interrompeu operações da maior rede de dutos para transporte de combustíveis no país. Leia a íntegra (281 KB, em inglês).

Colonial Pepiline foi alvo de ransomware –que é um software de extorsão que bloqueia o computador e cobra resgate para liberar a retomada das atividades– na última 6ª feira (7.mai.2021). Está com as atividades interrompidas desde então.

O estado de emergencia foi declarado para o Distrito de Columbia (a capital, Washington) e 17 Estados: Alabama, Arkansas, Delaware, Florida, Georgia, Kentucky, Lousiana, Maryland, Mississippi, Nova Jersey, Nova York, Carolina do Norte, Pensilvânia, Carolina do Sul, Tennessee, Texas e Virginia. O país tem 50 Estados.

A medida prepara condições para o transporte imediato de gasolina, diesel, combustível de aviação e outros produtos derivados do petróleo para as regiões. As transportadoras prestam assistência direta às localidades afetadas. Haverá flexibilização na regulação do setor para que a chegada seja facilitada.

Rede de distribuição de oleodutos da Colonial.Reprodução/Colonial

Neste domingo (9.mai), a Colonial Pipeline informou, em comunicado (56 KB), que parte de seu sistema de 8.851 quilômetros de dutos foi reativada, mas que as linhas principais continuam sem operar. A suspensão pode resultar em alta no preço dos combustíveis no país. Sem os dutos, só restará o transporte rodoviário, que torna o produto mais caro.

A Colonial tem sede na Geórgia. Suas principais linhas de transporte de combustíveis permanecem desligadas.

FONTE: PODER360

Previous post Hacker consegue reprogramar o sistema do AirTag da Apple
Next post Criminosos fazem cerca de 17 mil vítimas por dia no país em golpes

Deixe um comentário