RNP lança Relatório Anual de Segurança 2020

Views: 37
0 0
Read Time:2 Minute, 48 Second

A partir de dados obtidos pelo Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança, estudo mostra os principais acontecimentos do setor, tendências e leituras analíticas sobre o assunto

Vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) acaba de anunciar o lançamento do Relatório Anual de Segurança 2020. O documento reporta os principais acontecimentos, elenca dados, tendências, leituras analíticas e conta ainda com um interessante artigo a respeito da temática, com uma linguagem leve e acessível ao público. 

Segundo o relatório da RNP, nunca se falou tanto de Segurança da Informação quanto em 2020. Foram diversos casos envolvendo vazamento de dados e invasão de sistemas no Brasil e no mundo. No entanto, por conta do isolamento social e do aumento do trabalho e ensino remotos, foi um ano em que houve redução de 13% no número de vulnerabilidades de segurança detectadas e de 22% de incidentes de segurança reportados no Sistema RNP em comparação ao ano anterior.

Desenvolvido a partir dos dados obtidos pelo CAIS – Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança, que atua na detecção, resolução e prevenção de incidentes de segurança na rede acadêmica brasileira, além de elaborar, promover e disseminar práticas de segurança em redes na RNP e demais instituições a ela vinculadas, o estudo apresenta ainda informações sobre o significativo crescimento e atuação do CAIS e da RNP junto à comunidade acadêmica e demais órgãos beneficiados.

A primeira parte do documento aborda os principais destaques relacionados à área da segurança da informação, explorando a fundo a temática de cibercrime, muito presente no ano passado, reforçada pela recente mudança comportamental relacionada às novas formas de relacionamento social, de trabalho e comerciais (impulsionados pelas medidas de segurança em combate à pandemia. Na seção “Destaques”, o assunto Ransomware foi o tema principal, com a menção de alguns episódios importantes relacionados a vazamento de dados das gigantes de tecnologia.

Já na seção “Estatísticas”, o leitor encontra os números de vulnerabilidades desde 2018 e os cinco principais casos sobre a ótica de estudo, compartilhamento de conhecimento e informação através do Projeto Top5. A coletânea apresentada nestas páginas elucida o processo comportamental dos ataques, seus alvos, métodos e natureza, demonstrando que o advento de novas tecnologias está intimamente ligado à concepção de modelos mais robustos e eficientes de segurança.

Na seção “Atualize-se”, foi feito um levantamento das principais e mais importantes iniciativas do CAIS e demais equipes da RNP no tocante ao esclarecimento, divulgação, compartilhamento de informação, conhecimento e colaboração com toda comunidade atendida. Na sequência, é possível explorar um artigo escrito pelo Diretor de Engenharia e Operações, Eduardo Grizendi sobre a Cibersegurança da RNP e o ano de 2020.

Por fim, a seção “Tendências” explora o que de novo – ou não tão novo assim – pode se tornar cada vez mais recorrente no ano de 2021 e seguintes. “Essas tendências trazem um ponto de vista mais humanizado, onde a percepção sobre os principais acontecimentos do ano passado toma ar de aprendizado e que ajudam a todos a obterem conhecimento para acrescentarem-se às importantes discussões da comunidade técnica e acadêmica a convergirem em soluções ágeis e cada vez mais inteligentes e seguras à todos, além de dar um panorama do cenário da Segurança da Informação no Brasil e no mundo”, comenta o gerente do CAIS/RNP, Edilson Lima.

FONTE: IP NEWS

Previous post Financeira deixa vazar dados de 10 mil brasileiros na internet
Next post Hackers invadem laboratório da Universidade de Oxford, diz Eset

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *