Prefeituras de Santa Catarina são alvos de ataque hacker e ransomware é neutralizado

Views: 88
0 0
Read Time:1 Minute, 54 Second

Os alvos foram os sistemas das prefeituras de Balneário Camboriú e Chapecó e ambos os sites ficaram fora do ar no decorrer desta quarta-feira.

No caso de Balneário Camboriú, a prefeitura informou que sofreu uma tentativa de ataque ransomware. Nesta ofensiva, o hacker invade o sistema, criptografa arquivos e pede um resgate, geralmente em criptomoedas, para devolver o acesso à rede. Além disso, os invasores também costumam roubar arquivos para extorsão.

No caso desta quarta-feira, no entanto, o diretor da Divisão da Tecnologia de Informação (DTI) da prefeitura de Balneário Camboriú, Henrique Otte, conta que o suporte conseguiu neutralizar o ataque a tempo.

“Nenhum dado foi comprometido, pois conseguimos conter o acesso do ransomware e bloqueamos o sistema para garantir a segurança das informações.”

De acordo com o diretor, os hackers conseguiram se infiltrar no sistema da prefeitura porque alguns computadores estavam com Windows 10 desatualizado ou com versão anterior. 

Durante o ataque, a equipe de TI bloqueou os serviços online de todas as secretarias, além do acesso do público externo aos sistemas da aba “Cidadão” do portal. Conforme a nota, a previsão era que o sistema voltasse ao normal até o final desta quarta. 

A administração municipal informou ainda que registrou um Boletim de Ocorrência para investigar o caso e tentar descobrir quem esteve por trás da ofensiva.

No caso desta quarta-feira, no entanto, o diretor da Divisão da Tecnologia de Informação (DTI) da prefeitura de Balneário Camboriú, Henrique Otte, conta que o suporte conseguiu neutralizar o ataque a tempo.

“Nenhum dado foi comprometido, pois conseguimos conter o acesso do ransomware e bloqueamos o sistema para garantir a segurança das informações.”

De acordo com o diretor, os hackers conseguiram se infiltrar no sistema da prefeitura porque alguns computadores estavam com Windows 10 desatualizado ou com versão anterior. 

Durante o ataque, a equipe de TI bloqueou os serviços online de todas as secretarias, além do acesso do público externo aos sistemas da aba “Cidadão” do portal. Conforme a nota, a previsão era que o sistema voltasse ao normal até o final desta quarta. 

A administração municipal informou ainda que registrou um Boletim de Ocorrência para investigar o caso e tentar descobrir quem esteve por trás da ofensiva.

FONTE: BE IN CRYPTO

Previous post Site da Polícia Civil do Rio de Janeiro sofre ataque hacker e fica fora do ar
Next post Site da Prefeitura de Chapecó é alvo de ataques hacker

Deixe um comentário