Polícia Civil realiza Operação Attack Mestre e prende um dos maiores hackers do Brasil em ataques DDoS

Views: 139
0 0
Read Time:1 Minute, 10 Second

A Polícia Civil do Goiás realizou a Operação Attack Mestre e prendeu um dos maiores hackers do Brasil em ataques DDoS.

Assim, segundo informações das autoridades o criminoso foi preso em Goiânia acusado de ser o mentor intelectual de uma rede de hackers que efetuam este tipo de ataque no Brasil.

Ainda segundo as apurações das autoridades, por meio de uma rede de computadores “zumbis” os hackers realizam os ataques DDoS, “derrubando” sites e extorquindo pessoas com a tática.

Operação Attack Mestre

A prisão do hacker ocorreu na segunda fase da Operação Attack Mestre.

Porém segundo o delegado-adjunto da DRCC, Claudemir Luiz Ferreira, o hacker já havia sido preso temporariamente na primeira fase da operação,  porém foi colocado em liberdade.

Ainda segundo Ferreira o hacker, conhecido como Topyari, ao realizarem o ataque, os investigados interrompiam as conexões de internet banda larga de centenas de milhares de usuários (pessoas físicas e jurídicas) em todos os 26 Estados da Federação e no Distrito Federal.

Com os serviços parados a organização criminosa exigia o pagamento em criptomoeda para que o serviço fosse restabelecido

As investigações apontaram, ainda, que o grupo detinha um rede de computadores infectados por malwares e que atuavam como “zumbis”, sendo acionados quando um ataque era realizado.

A Polícia destacou que o hacker deve ficar preso até que a justiça conclua a análise do caso.

FONTE: COINTELEGRAPH

Previous post Eleições 2020: Urna eletrônica pode ser hackeada?
Next post FBI muda estratégia contra hackers

Deixe uma resposta