O Valor de um Painel de Cibersegurança para o Conselho de Administração

Views: 133
0 0
Read Time:4 Minute, 5 Second

O cenário de ameaças está mudando regularmente e rapidamente em todas as indústrias. Por essa razão, as organizações e suas suítes executivas precisam ter uma compreensão atualizada das ameaças cibernéticas dentro de sua indústria ou setor.

Dito isto, reportar segurança cibernética ao Conselho pode levar a mal-entendidos e confusão, pois os dados são frequentemente enraizados em jargões técnicos que podem não ser facilmente compreendidos por não especialistas. Para um relatório eficaz, os dados devem ser apresentados de forma clara e sucinta para ajudá-los a identificar informações relevantes e acionáveis. Isso ajuda a garantir que os esforços de sua equipe de segurança estejam alinhados com objetivos organizacionais, e que o tempo e os recursos não estão sendo desperdiçados em atividades de baixa prioridade.

Desafios de se apresentar ao Conselho

A segurança cibernética pode ser um tema complexo para alguém que não é um profissional de TI, então um dos maiores desafios de reportar ao Conselho é garantir que todos os membros entendam as informações que estão sendo apresentadas. Alguns membros provavelmente não estarão familiarizados com a terminologia técnica, o que pode tornar desafiador transmitir informações críticas para a tomada de decisões.

Outro desafio vem com a decisão de quais informações são ou não vale a pena, incluindo em seu painel de relatórios. Os profissionais de TI geralmente rastreiam muitos KPIs de segurança regularmente, mas nem todos eles valerão a pena compartilhar com o Conselho. Os profissionais de TI têm que considerar fatores como restrições de tempo e a usabilidade dos dados em estratégias de pensamento futuro.

Quais informações um painel de segurança cibernética exibe?

Uma exibição eficaz do painel de segurança cibernética deve atualizar o Conselho sobre quaisquer mudanças ou tendências que aconteçam no cenário de ameaças, bem como o status de iniciativas ou programas que foram colocados em prática para mitigar riscos e proteger ativos vulneráveis. As métricas específicas para serem exibidas em um painel variam de uma organização para outra e devem ser determinadas com base nos objetivos e objetivos do negócio, bem como na necessidade de eficiência e padronização da organização em toda a empresa.

O objetivo é escolher métricas que todos possam facilmente entender e aplicar à tomada de decisões futuras.

Exemplos dessas métricas-chave e KPIs incluem:

  • O nível de preparação da organização para um ataque
  • Número de tentativas de intrusão na rede
  • Tempo médio para detectar (MTTD) para medir quanto tempo a equipe leva para tomar conhecimento de um incidente
  • Resultados de treinamento de conscientização sobre segurança cibernética para funcionários
  • Classificações de segurança que mostram uma visão abrangente da postura de segurança cibernética da rede
  • Número de incidentes de phishing e malware
  • Gerenciamento de risco do fornecedor para monitorar fornecedores de terceiros e quartos
  • Número de ativos cobertos, desativados e cobertos

Como um painel de segurança cibernética ajuda a mitigar confusão e mal-entendidos?

Para ajudar a preencher a lacuna de comunicação entre equipes de segurança de TI e Conselhos, os dashboards de segurança cibernética devem oferecer uma visão de alto nível da rede de cibersegurança de sua organização. Com detalhes simplificados e visibilidade abrangente, mesmo os não especialistas poderão supervisionar com confiança os riscos cibernéticos.

Muitas organizações e empresas tendem a dividir as operações em silos, o que corta a comunicação entre departamentos e torna mais difícil para todos verem o quadro geral. Isso pode levar a um mal-entendido e afastar os funcionários. É mais desafiador mostrar o valor de certas medidas de segurança, pois elas se relacionam com a organização como um todo, quando os departamentos desconhecem o que está acontecendo em outras seções da empresa.

Uma exibição de painel agrega todas as informações de risco importantes e relevantes em toda a organização, ajudando os Conselhos a tomar decisões mais bem informadas que ajudam a equilibrar os esforços de segurança cibernética com eficiências operacionais. Ao construir um painel de segurança cibernética,apresente apenas as informações mais relevantes e críticas, ajudando a mitigar a confusão e levar a decisões mais inteligentes baseadas em dados que abordam as maiores ameaças enfrentadas pela organização.

Como o SecurityScorecard pode ajudar a manter o Conselho atualizado?

Em um cenário de ameaças cada vez mais complexo, é mais importante do que nunca transmitir efetivamente as vulnerabilidades dentro de uma organização. Os membros do conselho desempenham um papel fundamental na implementação de políticas e proteções adequadas, e se as equipes de segurança querem obter a entrada executiva, eles têm que ser capazes de relatar com precisão o risco de segurança cibernética no que se refere ao resultado final da organização e criar um entendimento comum.

relatório de nível executivo do SecurityScorecard permite conversas mais produtivas, estabelecendo uma base para reportar e apresentar apenas as informações mais relevantes necessárias para conduzir futuras decisões operacionais. Quando os Conselhos podem usar medidas objetivas para tomar decisões informadas, o risco pode ser mais facilmente mitigado em toda a empresa.

FONTE: SECURITY SCORECARD

Previous post Relatório Cisco – Como otimizar os investimentos feitos em privacidade de dados
Next post Qual é o impacto de uma violação de dados de terceiros?

Deixe um comentário